segunda-feira, 4 de novembro de 2013

Deixa, mãe, que isso eu sei.

Postado por Julianna Barroso às 17:05
Alice não tem paciência pra aprender. Pelo menos comigo não. rsrsrs 
No colégio eu só recebo elogios, mas qualquer coisa que eu vou tentar ensinar, até letra de música, ela já tem a a frase pronta:
-"Deixa, mãe, que isso eu sei."
Eu tento, em outros momentos, enquanto a gente conversa, valorizar e engrandecer aquele que aprende, que escuta, que mostra com humildade que não sabe e procura aprender. Eu digo que quem escuta a mamãe aprende mais rápido e sabe mais. rsrsrs Essa minha pequena...
Acho que é da idade, mas isso me deixa meio que desconcertada. Tenho medo que seja assim pra sempre.
Alice ontem fez 5 anos. É uma mocinha e não admite que chamemos ela de meu bebê. Ela quer fazer tudo só. Não se contenta em ajudar. Ela precisa produzir! Então ela toma conta de tudo, mas seleciona o que quer fazer. Por exemplo, quando ela faz um desenho, pinta, cola, recorta, ela adora, mas se eu peço pra ela fazer o nome... Ela já vem com voz de choro: 
-"Ah, mãe, isso eu já sei. Não precisa." 
Se a gente brinca de casinha, ela é a mãe. Eu não sou filha. Sou a babá, a cozinheira, a médica. 
Esse tempo é das amizades. Ela conta bastante coisas dos colegas de sala e tem seus preferidos. Já tem uma ordem estabelecida dos que gosta mais e dos que gosta menos. O que as amiguinhas da escola fazem ou dizem marca muito. Já sabe o que é rejeição e também se influencia pelo que os amigos tem. Já me pediu, só de final de setembro pra cá, um tablet, maquiagem, sandália de salto alto (kkkkkkk), celular. E, quando eu nego, vem sempre com a mesma afirmação: 
-"Mas, mãe, a mãe da Fulana deixa." e ainda completa: -"Por que ela deixa?"
Ainda me dá trabalho pra dormir. Por ela, dormiríamos juntas, pois não quer que eu saia de perto dela. Não sei se pelo medo de ficar só, ou se pelo medo de me perder. 
Na alimentação estou mais ou menos tranquila. Apesar de não comer coisas variadas, come bem e procuro dar alimentos saudáveis. Seu peso e altura estão de acordo com a idade e gênero. Peguei uma ótima calculadora no Guia do Bebê. É só clicar no link e você vai ver o do seu bebê também.
Pesquisei um pouco sobre o desenvolvimento e encontrei um artigo excelente. 

Desenvolvimento da criança (de 5 a 6 anos)


Desenvolvimento Físico

• A preferência manual está estabelecida;
• É capaz de se vestir e despir sozinha;
• É capaz de assegurar a sua higiene de forma independente;
• Pode manifestar dores de estômago ou vómitos quando obrigada a comer comidas de que não gosta; tem preferência por comida pouco elaborada, embora aceite uma maior variedade de alimentos;
Desenvolvimento Intelectual
• Fala fluentemente, utilizando correctamente o plural, os pronomes e os tempos verbais;
• Grande interesse pelas palavras e a linguagem;
• Pode gaguejar se estiver muito cansada ou nervosa;
• Segue instruções e aceita supervisão;
• Conhece as cores, os números, etc.; pode identificar e distinguir euros e cêntimos;
• Capacidade para memorizar histórias e repeti-las;
• É capaz de agrupar e ordenar objectos tendo em conta o tamanho (do mais pequeno ao maior);
• Começa a entender os conceitos de "antes" e "depois", "em cima" e "em baixo", etc., bem como conceitos de tempo: "ontem", "hoje", "amanhã";
Desenvolvimento Social
• A mãe é ainda o centro do mundo da criança, pelo que poderá recear não a voltar a ver após uma separação;
• Copia os adultos;
• Brinca com meninos e meninas;
• Está mais calma, não sendo tão exigente nas suas relações com os outros; é capaz de brincar apenas com outra criança ou com um grupo de crianças, manifestando preferência pelas crianças do mesmo sexo;
• Brinca de forma independente, sem necessitar de uma constante supervisão;
• Começa a ser capaz de esperar pela sua vez e de partilhar;
• Conhece as diferenças de sexo;
• Aprecia conversar durante as refeições;
• Começa a interessar-se por saber de onde vêm os bebés;
• Está numa fase de maior conformismo, sendo crítica relativamente àqueles que não apresentam o mesmo comportamento;
Desenvolvimento Emocional
• Pode apresentar alguns medos: do escuro, de cair, de cães ou de dano corporal, embora esta não seja uma fase de grandes medos;
• Se estiver cansada, nervosa ou chateada, poderá apresentar alguns dos seguintes comportamentos: roer as unhas, piscar repetidamente os olhos, fungar, chuchar no dedo, etc.;
• Preocupa-se em agradar aos adultos;
• Maior sensibilidade relativamente às necessidades e sentimentos dos outros;
• Envergonha-se facilmente;
Desenvolvimento Moral
• Devido à sua grande preocupação em fazer as coisas bem e em agradar, poderá por vezes mentir ou culpar os outros de comportamentos reprováveis.
SINAIS DE ALERTA
· Medos excessivos;
· Ansiedade de separação extrema;
· Enurese nocturna;
· Timidez;
· Comportamentos de bullying relativamente aos pares;
· Inibição manifesta nas brincadeiras;
· Comportamentos ritualísticos, sobretudo à volta da comida;
· Problemas na fala persistentes;
· Falta de interesse pelos outros;
· Ansiedade: tiques; onicofagia (roer as unhas);
· Sono: dificuldade em adormecer sozinho; insónias.


Se você quiser saber mais um pouco, vale a pena dar uma olhadinha lá. Muito legal!

Aos pouquinhos vou colocando mais coisas do desenvolvimento da minha pequena. Por enquanto vamos observar mais. 
=*







1 comentários:

Mariana Leal on 5 de novembro de 2013 12:21 disse...

Olá, passei apenas pra dizer que já estou te seguindo e voltarei aqui futuramente pra fazer comentários sobre os posts.
Seu blog é maravilhoso, convido você e suas leitoras a conhecer meu blog
http://toobege.blogspot.com.br/
Beijinhos

Quem seguir no insta, sigo de volta http://instagram.com/theworldofmari

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails
#160